Utopias do Pensamento” Volume II “Entre o Sonho e a Realidade

12.00

Categorias: ,

Partilhar Produto

Descrição

Ah não ser eu toda a gente e toda a parte!” (Álvaro de Campos)

Por vezes também me sinto assim… “toda a gente e toda a parte”, mas, logo depois mergulho no abismo da própria existência, no tédio profundo, na insatisfação de não poder cruzar simultaneamente todos os caminhos.”

Esta é Dulcí Ferreira, uma mistura de racionalidade e coração!

Através de “Utopias do Pensamento” conseguimos vislumbrar um sentir profundo nas palavras da autora, e, desprendendo-nos no tempo, mergulhamos nos espaços de suas emoções pensantes, podendo abonar a seu favor, “Que este é ´um momento poesia”, e, “Através do pensamento” encontramos pulcros momentos de “Introspeção”. “Não me digas nunca”, suplica ela, nas “Dualidades” dos seus “Momentos de Reflexão “, mas é na “INSPIRAÇÃO” que escreve sobre “O palco da vida”. Com os “Desabafos de alma”, aborda a “problemática de ser verdade” da “Grandeza e pequenez”  da “Força que vem de Deus”… 

A autora vai, assim, trilhando caminhos de Sonho e Amor, em cada conto divulgado, resvalando paulatinamente em cada reflexão, que de utópico, só resistirá aos trilhos, olhos de quem esta obra não consiga descobrir!

Duradouro é o apólogo que nos eleva à luz!

Autor

Dulcí Ferreira ou Maria Dulcídia de Almeida Pereira Ferreira é natural da freguesia de São Joaninho, concelho de Castro Daire, distrito de Viseu. Nasceu a 1 de Maio de 1963. É casada. Tem duas filhas. É licenciada em Estudos Artísticos pela Universidade Aberta. Empresária no ramo dos Transportes Internacionais. É colaboradora do jornal Notícias de Castro Daire.

Foi premiada nas categorias Conto Poema nos Jogos Florais Vale Varosa 2016 – Tarouca.

Participou em saraus de poesia sob direção do ator Pedro Lamares.

Foi homenageada como poetisa, pelo grupo Asas de Poesia, na Biblioteca Municipal Dr. José Vieira de Carvalho, na Maia, Porto, no dia 28 de Maio de 2016.

Participou ativamente no “Encontro de Autores Regionais – Tarouca Vale a Pena”, Maio, 2018.

Foi júri honorífico no V Concurso Poesia de Abril – 2018, integrado nas comemorações do 44 aniversário do 25 de Abril, organizado pela Junta de Freguesia da União das Freguesias de Pontinha e Famões – na categoria Adultos e também na categoria “PONFAS – Projeto Educativo do Ensino Básico” (inscrições das EB1/JI da Freguesia) e “GERAL”:

Participou no 17 Campeonato Nacional de Poesia sob orientação de Pedro Chagas Freitas. É coautora em inúmeras antologias e coletâneas.